quarta-feira, abril 11, 2007

Amor


Veio hoje pelo correio o pequeno livro " O Que é o Amor ? O livro da blogosfera "( Edição Anjo Dourado ).
Tem textos maravilhosos. Escolhi quatro, não ao acaso, mas não significando que sejam os melhores. Foram os que mais me tocaram.
A ordem de colocação respeita a do livro.

FASES DA LUA - http://fasesdalua2020.blogspot.com


Amou-o em silêncio, por tudo aquilo que ele era, enquanto arranjava o jantar, dobrava a roupa, tratava do cão, esperava que ele chegasse. Amou-o enquanto ele preparava uma reunião para o dia seguinte, enquanto liam, já deitados, os dois volumes da mesma obra. Mas amou-o ainda mais quando ambos se fundiram num só, num êxtase que poucos conhecem, naquela reciprocidade de dar e receber, de exigir e respeitar, de se entregar mantendo-se a si próprio. E nessa dádiva um ao outro, adormeceram sorrindo. Como duas crianças, como se não tivessem idade, como se fosse outra vez uma primeira vez.




AVELÃS DE AMBOM - http://avelana.blogspot.com


Amor pela Terra, pelos sete filhos, pelos animais que trazia aconchegados na loja. Tempos difíceis, então - de guerra e racionamento, as senhas do pão nunca chegavam para todos e num acto de amor, ficava Amândio sem elas; tempos de denúncia e repressão em que se recebiam instruções de Lisboa para apontarem todos os que não votassem, na época em que não tinham luz nem água canalizada e o partido era um só. Amândio, num gesto de amor preenchia os cadernos eleitorais votando por todos eles...




PITANGA DOCE - http://pitangadoce.blogspot.com


Ele não estava preparado para amar
Ela tinha que o ensinar
Ele perguntou como era o sentir
Ela disse que o daria por completo
que se reconheceria nos olhos dela
que adivinharia seu querer e
dividiriam o riso e a dor
Falou-lhe do corpo
Ela disse que esquecesse tudo o que já vivera
Amariam com os olhos, mãos, palavras e sexos
Sentiria o ardor na pele ao mais leve toque
Quis saber do tempo
O tempo ? Será eterno
até que um de nós queira dizer adeus.





ALÉM DE MIM - http://paralemdemim.blogspot.com


Voltei-me...não te vi!
E no entanto...ainda há pouco o olhar falava...os gestos antecipando a ausência.
Voltei-me...não te vi!
As portas fechadas...
As janelas desafiando a lucidez do olhar...
Apenas aquele ruído da partida -- um som que se dilui na razão inversa da saudade!
O oposto da chegada, quando a pulsação é desenfreada e o olhar inquieto...
Depois...recompenso-me no verde dos teus olhos enquanto as horas se atropelam numa câmara lenta de bicos de pés...
... até que olho para trás...
... e sem saber porquê...sorrio ainda.



O que é o Amor?
O Amor pode ser o olhar um filho, um neto, e querer para eles o Melhor do Mundo.
O Amor pode ser a companhia ao Armando, invisual, num pequeno passeio de Domingo. O simples acto de ir ao centro de saúde levantar as receitas da vizinha que o não pode fazer, pode ser o Amor. O Amor pode ser tanta coisa. E pode ser, também, o acto de colher no nosso arquivo a mais bela foto que tivermos.

A rosa devia ficar no fim. Está no início por má colocação. As minhas desculpas. Afinal o Amor também pode ser perdão, não é ?

11 Comentários:

Às quarta-feira, 11 abril, 2007 , Blogger dulce disse...

Ainda bem que gostaste do livro. Pequenino, mas cheio de Amor.
Beijossss

 
Às quarta-feira, 11 abril, 2007 , Blogger greentea disse...

tu é que és um amor...
E hoje que cheguei a casa tão tarde e tão cansada e tenho esta surpresa à minha espera, com uma rosa perfumada!

Um sorriso e um xi-coração.

 
Às quinta-feira, 12 abril, 2007 , Blogger avelana disse...

fiquei encantada com o convite e vim logo ver mas não esperava que a surpresa fosse esta!!
O livro já saiu há algum tempo e na altura foi divulgado no blog. No passado fim de semana esteve aqui na aldeia , uma prima que tb o tinha comprado e que achou esta ideia bem interessante, apesar de ela não ter blog...mas vai considerar o assunto

Um abraço bem grande para ti.

 
Às quinta-feira, 12 abril, 2007 , Blogger Paula Raposo disse...

O livro está lindíssimo! Beijos.

 
Às sexta-feira, 13 abril, 2007 , Blogger Leticia Gabian disse...

Pitanguita! Sempre tão linda no que faz e no que escreve.

 
Às sexta-feira, 13 abril, 2007 , Blogger pedro macieira disse...

Interessante a idéia de um livro de poesia criado a partir da blogosfera.
Um abraço, e bom fim de semana
Pedro Macieira

 
Às sexta-feira, 13 abril, 2007 , Blogger pitanga disse...

Que delicadeza a tua! Olha que eu choro!

beijos e obrigada

 
Às sexta-feira, 13 abril, 2007 , Blogger pitanga disse...

Também apanhaste com a chuva de granizo esta semana?

 
Às sexta-feira, 13 abril, 2007 , Blogger viajante disse...

Pitanga do Rio de Janeiro RJ passa a vida a confundir-me. Tão depressa está cá como lá( viaja de Concorde e não de Transatlântico).
O granizo caiu na zona de Mem Martins e arredores e eu estou mais chegado à Serra. Na semana passada é que tive o para-brisas todo branquinho mas por pouco tempo.
Abraços.

 
Às sexta-feira, 13 abril, 2007 , Blogger greentea disse...

pois eu passei em Mem Martins nessa altura e o chão ainda estava coberto de granizo e um TIR q ia à minha frente deitava bocados de gelo do tejadilho , o q me deixou surpreendida... mas só à noite soube as noticias completas!

Sintra é assim

 
Às sábado, 14 abril, 2007 , Blogger pitanga disse...

CARO VIAJANTE, PARA TIRAR DÚVIDAS E NÃO PENSAREM QUE SOU ACIONISTA DA TAP, DESDE QUE CHEGUEI AQUI EM NOVEMBRO NÃO VOLTEI AO BRASIL. O MÁXIMO QUE VOU É AO PORTO...HEHEHE.

 

Enviar um comentário

Subscrever Enviar comentários [Atom]

Hiperligações para esta mensagem:

Criar uma hiperligação

<< Página inicial