sexta-feira, julho 15, 2011

586 - Não faço ideia...

A partir de uma ideia de M. (Palavra puxa Palavra).
Jardins da Fundação Calouste Gulbenkian, numa manhã de Junho.

Não faço ideia...


 ...como vim aqui parar.
...onde está o meu amado.
...qual a sensação quando olham para mim.
...qual é o caminho para casa.
...quantos saltos tenho de dar até voltar a ver a família.
...que pecado cometi, para ficar aqui sózinho.
...quem foi o autor de tão bonito trabalho.

Etiquetas: ,

2 Comentários:

Às sexta-feira, 15 julho, 2011 , Blogger Justine disse...

Qualquer das hipóteses é excelente, Viajante! E as fotos, belíssimas:)))

 
Às sábado, 16 julho, 2011 , Anonymous Anónimo disse...

Zé, gosto muito das frases que acompanham as fotos que, são também, muito bonitas.
abraço
ereis

 

Enviar um comentário

Subscrever Enviar comentários [Atom]

Hiperligações para esta mensagem:

Criar uma hiperligação

<< Página inicial